Desidratação pode desencadear crises de enxaqueca

Enxaquecas são dores de cabeça severas e dolorosas (quem sofre que o diga!), normalmente causadas por uma série de eventos neurológicos e maus hábitos dos indivíduos predispostos à indesejável dor – e não são poucos, já que 1 a cada 8 pessoas em média, sofre com a dor.

Essa comum e dolorosa dor de cabeça tem razão de atingir tantas pessoas, já que os hábitos da vida moderna e a deficiência nutricional têm crescido cada vez mais. A desidratação, por exemplo, já é comprovadamente uma poderosa desencadeadora da enxaqueca, e existe um motivo curioso para isso:

Relação entre água e enxaqueca

Quem já foi ao médico com as fortes dores da enxaqueca com certeza deve ter ouvido: “beba mais água, é imprescindível!”. O próprio soro injetado na veia é uma forma de hidratação do organismo, o que faz da água uma das maiores responsáveis pela melhora e até prevenção desse terrível mau. Mas, por que a água é tão importante e tão indicada para combater a enxaqueca? Afinal, qual a relação?

Isso ocorre pois a desidratação (falta de água) faz com que o volume de sangue caia, diminuindo o fluxo sanguíneo e de oxigênio ao cérebro, o que resulta, inevitavelmente, na dilatação dos vasos sanguíneos, responsáveis pela enxaqueca.

Ou seja, beber a quantidade diária de água não é só uma questão de matar a sede, mas também de prevenir uma predisposição à essa terrível dor de cabeça que pode causar complicações mais sérias posteriormente.

A perigosa deficiência de Magnésio

“Mas eu já bebo a quantidade ideal de água por dia, mesmo assim a enxaqueca sempre volta!”  Essa frase pode ter passado pela sua cabeça, e não é para menos, pois realmente há um problema com a água que você anda bebendo.

Como mencionamos no artigo anterior a água é uma forma natural de combater a enxaqueca mas nem sempre ela tem a qualidade ideal para efetuar essa ação com êxito. O que queremos dizer com isso? Bem, dentro da água, assim como qualquer alimento, existem nutrientes e minerais essenciais para o bom funcionamento do corpo, como um dos principais deles: o Magnésio.

Seu papel é, acima de tudo, a prevenção de processos inflamatórios que vêm do stress oxidativo (um dos principais agentes causadores da enxaqueca) e a falta do mesmo acaba gerando a dor indesejada, além de estar relacionada com muitas outras doenças. E adivinha qual a maior fonte de Magnésio do planeta? Exatamente a água!

Infelizmente, a água que chega em nossas torneiras hoje possui uma quantidade praticamente nula desse mineral, isso devido aos processos de “purificação” pela qual ela passa antes de chegar em nossas residências, o que tem resultado consequentemente em uma epidemia de falta de Magnésio na população.

Os resultados não são nada favoráveis, e têm causado uma grande agitação na área médica sobre o assunto. É cada vez mais abordado o fato de haver a necessidade de trazer esse mineral de volta (já que ele é dificilmente encontrado em alimentos) e como a qualidade da água tem adoecido a população.

O elemento em que confiamos nossa vida está corrompido e por isso muitas pessoas têm sofrido, não só com a enxaqueca, mas também com outras doenças. Felizmente nós temos mudado essa história, entenda mais sobre: a água alcalina e o tratamento de doenças!

Quer saber mais sobre o assunto? Se inscreva na nossa newsletter e receba semanalmente os avisos dos melhores artigos da semana diretamente em seu email e sem custo algum: (link à news).

 

Até o próximo post!

Equipe Habitah

AcqualiveGroup.

 

referência: https://draxe.com/how-to-get-rid-of-a-migraine/

https://pt.myprotein.com/thezone/suplementos/magnesio-para-que-serve-beneficios/

 

Embora exista muita evidência científica sobre qualidade da água, ainda há poucos estudiosos no assunto no Brasil. Para dirimir estas dúvidas e facilitar a vida de quem quer entender mais o assunto Água compilamos centenas de artigos científicos em textos de melhor compreensão. 

Todos Artigos Científicos estão na Área Científica »

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Gostou do texto que leu? Deixe seu comentário abaixo